Utilizamos cookies para melhorar a experiência no nosso website. Ao prosseguir com a utilização deste website indica que concorda com a nossa políticas de utilização de cookies. Obtenha mais i

Como cortar e multiplicar a sálvia

Sálvia, com o nome latino de Salvia, pertence à família das plantas lamiáceas (família da hortelã Lamiacae anteriormente conhecida como Labiatae). É uma planta pouco exigente que gosta de sol. A Salvia pode ser encontrada em todo o mundo e inclui mais de 800 espécies diferentes. A Sálvia Real com a sua fragrância aromática e os seus óleos essenciais, é por um lado usada como uma erva aromática utilizada na culinária, e por outro lado, como uma planta medicinal. Se a sálvia for plantada no lugar certo do jardim, pode espalhar-se ao longo de vários metros quadrados.

O início da Primavera é um bom momento para cortar a Sálvia. Se as folhas forem cortadas mesmo antes do Inverno, a planta pode ter dificuldade para sobreviver ao rigor da estação severa.

Em Fevereiro, as folhas podem ser cortadas a cerca de 5 cm. Após a poda, quando o tempo melhorar, a Sálvia terá novos rebentos e crescerá como um arbusto. No entanto, se já se tiverem formado os novos brotos quando planear cortar a sua Sálvia, esta poda não deverá mais ser feita.

Após o crescimento dos novos brotos e folhas na primavera, pode usar estas folhas de sálvia frescas para um chá de sálvia, por exemplo, ou mesmo como condimento para aromatizar as suas refeições.

Se prefere o perfume da Sálvia no seu jardim, uma multiplicação por estaca é o melhor e é bastante fácil. A melhor época para a multiplicação da Sálvia é a partir de Julho até ao final do Verão. A planta não deve florescer. Caso contrário, deverá remover as flores e os botões.

Primeiro, use uma faca afiada para cortar um ramo jovem de aproximadamente seis centímetros abaixo da coroa de folhas. Em seguida, retire as folhas mais baixas, de modo que o corte fique com, pelo menos, três pares de folhas. Em seguida, plante num vaso com terra e composto e regue cuidadosamente. Certifique-se de que o solo está sempre húmido. Dado que a elevada humidade contribui para o melhor crescimento da jovem planta, poderá utilizar a metade de uma garrafa de plástico como se fosse uma estufa e coloca-la sobre o vaso com cuidado. Caso a garrafa se embacie, basta abrir a tampa. Quando o corte tiver constituído raízes e ficar mais forte, poderá ser plantada a partir do vaso directamente no canteiro de plantas de exterior.

Também pode colocar um corte, logo depois de cortá-lo da planta sálvia, num copo de água. Após cerca de 2 semanas, o corte deve ter desenvolvido raízes suficientes para que possa ser plantado directamente na terra.

Comments