Utilizamos cookies para aprimorar sua experiência em nosso website. Ao continuar navegando por este website, você concorda com o uso de cookies. Para saber mais, leia Cookies

Jardinagem para principiantes - um guia rápido

Toda a gente sonha em ter um jardim bonito, sumptuoso e verde. Mas depois a realidade bate-nos à porta e a falta de tempo e de fundos destroem esse sonho. E talvez até não tenha assim tanto jeito para o jardim como pensava.

Aqui estão oito boas dicas para ajudar os principiantes e os novatos em jardinagem a ter sucesso:

1. O que quer fazer com o seu jardim? Uma zona de recreio para os miúdos, uma horta-jardim ou um mar de flores?
É difícil articular todos os seus desejos e aspirações. Portanto modere-se, pelo menos no início. Levará algum tempo a criar o seu Éden pessoal. Considere quais as funções que gostaria de ter no seu jardim - áreas de repouso, zonas de recreio, canteiros – antes de começar a trabalhar.

2. Comece devagar…
Se é o novo proprietário de uma moradia ou de um apartamento com jardim ou plantações, o melhor é começar devagar durante a primeira estação. Sob a terra negra poderá descobrir os sonhos do seu antecessor para o jardim. Muitas plantas são vivazes e irão florescer ano após ano. Outras áreas poderão ter de ser escavadas e revitalizadas.

3. Quanto é que conseguirá fazer sozinho?
Aqui a questão é equilibrar tempo, conhecimentos e dinheiro. Para muitos jardineiros grande parte do encanto é fazerem tudo sozinhos. Outros contratam profissionais: designers de jardins ou paisagistas. Mas raramente estará completamente sozinho. Pode sempre pedir ajuda aos seus vizinhos...

4. Quais são as condições climatéricas onde vive?
Podem existir vários tipos diferentes de zonas em termos de clima num único país. Ao começar, é boa ideia informar-se junto do seu centro de jardinagem ou viveiro local. Eles sabem tudo o que é preciso sobre vegetação, clima e solo. Comprar plantas ao calhas sem se informar primeiro poderá ser um risco que lhe sairá caro.

5. Altura, estação e cor.
Há três aspectos simples que deve ter em mente quando plantar um canteiro: a altura, a estação e a cor. Assegure-se de que escolhe espécies cujos períodos de floração não coincidem para assim alargar a estação. Misture cores que fiquem bem umas com as outras. Certifique-se de que as plantas altas não escondem as mais baixas.

6. A qualidade compensa
Naturalmente, existem ferramentas baratas e flores a preços baixos à venda em supermercados. Mas as plantas não florescem em terrenos maus e oligotróficos. As ferramentas devem durar mais do que uma única estação. Compre materiais e ferramentas de qualidade! Compre menos artigos mas de maior qualidade e estes irão durar muito mais tempo.

7. Partilhe com amigos e vizinhos
Nem todas as pessoas na sua vizinhança precisam do seu corta-relva ou cultivador próprios. Peça emprestado aos seus vizinhos ou então juntem-se e dividam os custos sempre que fizerem investimentos maiores (e comprem produtos de alta qualidade!). Pode partilhar e trocar plantas e bolbos com os seus amigos e vizinhos, trocar dicas e estratégias, e podem ajudar-se uns aos outros quando for preciso levantar pesos pesados. E não se esqueça de os convidar para uma festa no jardim como forma de agradecimento!

8. Ferramentas úteis para o novato no jardim

• Uma pá para cavar
• Um ancinho
• Um corta-relva
• Tesouras de jardim
• Tesouras de podar
• Mangueira e aspersores

Saiba mais sobre ferramentas de jardinagem úteis [ligação]

[Ligação para produtos adequados da GARDENA]

[Ligação para produtos adequados da McCulloch]

Comments